por Mariana Bastos | fotos: Lílian de Paula 

Com uma programação cultural diversificada, em um cenário propício- a cidade de São José do Barreiro e muito fôlego por parte dos organizadores, o evento “Os sabores e a história de nossa terra”, realizado ontem (3), contou com muita música, culinária típica, conversas e apresentações sobre a história e a literatura valeparaibana.

A programação iniciou com uma visita guiada a Fazenda Pau D’alho – construída em 1818 pelo coronel João Ferreira de Souza, um dos fundadores de São José do Barreiro – e restaurada pelo IPHAN – Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional, recentemente.

Convidado especial, Diego Amaro, historiador e presidente da Academia de Letras de Lorena, participou da programação em dois momentos. O primeiro, um workshop sobre os escritores do Vale do Paraíba e a importância das suas produções para todo o Brasil.  O historiador apresentou diversos nomes de escritores de renome nacional nascidos no Vale, desde os séculos passados até a contemporaneidade.

Na segunda parte,  o tema foi a vida de Maria Joaquina, publicada em sua obra mais recente: A Senhora do café – que traz a história da matriarca, herdeira da Fazenda Boa Vista de Bananal – SP.

Segundo o autor, esse tipo de iniciativa valoriza a cultura valeparaibana e é fundamental na propagação do conhecimento sobre a nossa região.

Pra encerrar, o público pode apreciar comidas tipicas e celebrar a abertura da temporada de içá no restaurante O Rancho no Centro da cidade, em uma noite de viola caipira com Régis Violeiro.

O evento foi organizado por Rogério Rodrigues, proprietário do restaurante O Rancho, contou com apoio da equipe Bocaina Exprience e com a presença da Editora Casalua e Livraria do Vale.

 

Compartilhe